segunda-feira , novembro 19 2018

Homem acusado de matar mulher grávida no sertão da Paraíba, é preso no estado de São Paulo.

Um homem que estava foragido há sete anos foi preso na tarde da segunda-feira (15) na cidade de Franco da Rocha, em São Paulo. Evangelista Oliveira da Silva, de 36 anos, teve a prisão preventiva decretada por suspeita de assassinar com disparos de fogo uma mulher grávida de 7 meses, em Sousa, no Sertão da Paraíba, no ano de 2011.

Segundo o delegado Ilamilton Simplício, a Polícia Civil de Sousa recebeu informações sobre a localização do acusado e fez contato com a Polícia Militar de Franco da Rocha, que realizou a prisão.

Ainda segundo o delegado, Evangelista tinha envolvimento com o tráfico de drogas no Sertão da Paraíba. O alvo dele era o marido da vítima, Claudemir Sarmento, de 23 anos, que fazia parte de um grupo criminoso da região e com quem havia se desentendido.

Luana Maria foi atingida, sem intenção, por um tiro no pescoço, não resistiu e morreu. A equipe médica do Hospital Regional de Sousa ainda tentou salvar a criança que ela esperava, mas o bebê também não resistiu.

O acusado está preso em Franco da Rocha e pode ser transferido para Sousa ou para o Mato Grosso, onde também existe um mandado de prisão contra ele.

Veja Também

Empresa Gabriel Excelência Cancela o Concurso publico em Presidente Dutra que seria realizada na manhã deste domingo (18/11).

Pra surpresa de todos os candidatos do concurso publico de Presidente Dutra – MA, a ...