sexta-feira , janeiro 18 2019

Corpo de maranhense é encontrado às margens de córrego em Jarinu (SP), é de jovem de 25 anos.

A Polícia Civil de Jarinu (SP) identificou o corpo que foi encontrado enrolado em um lençol às margens de um córrego, no domingo (30). A vítima, Thaynara Oliveira, de 25 anos, morava no nordeste e tinha um filho de 9 anos.

De acordo com a polícia, a família foi informada sobre a morte na noite de segunda-feira (1º), assim que a identidade foi confirmada através de exames.

Ao G1, Antônio Pereira, pai de Thaynara, contou que a jovem deixa um filho de 9 anos, que mora com os avós na cidade natal dela, Itapecuru-Mirim – município de 67 mil habitantes no interior do Maranhão.

O corpo de Thaynara foi encontrado às margens de um córrego que passa por uma fazenda na Estrada Juvenal de Sousa, no bairro Bom Retiro. A jovem estava vestida com calça jeans e blusa preta. A perícia identificou uma lesão na região do pescoço e o nariz dela estava aparentemente quebrado.  A perícia fez análises no local em que a vítima foi encontrada e o caso foi registrado na delegacia da cidade.

Nas redes sociais de Thaynara consta que ela trabalhou como operadora de caixa e mudou-se para Itatiba (SP) em abril de 2017, onde morava sozinha em um apartamento.

A tatuagem que Thaynara tinha no braço, com o nome “Thalyson”, é uma homenagem ao filho. Alguns amigos lamentaram a morte da jovem na internet.

“Uma moça tão linda, jovem e com a vida toda pela frente”, disse uma amiga. “Que você esteja em um bom lugar”, comentou outro perfil.

Veja Também

Deputado Ciro Neto participa de reunião com Sindicato dos Agentes comunitários de saúde do Maranhão.

O Deputado Estadual Ciro Neto, participou na manhã desta quinta – feira (17/01), de uma ...